quarta-feira, 24 julho

Diabetes aumenta no Brasil

Texto por: admin 28 novembro, 2018 Sem comentários

Pesquisa divulgada pela universidade britânica King’s College, em parceria com a Universidade de Gottingen (Alemanha), alerta para o fato de que até 2030 o avanço do diabetes no Brasil pode fazer com que os custos da doença dobrem.

A conclusão se deu a partir do levantamento de dados de 180 países, levando-se em conta os impactos das despesas com os tratamentos médicos, mas também sobre a perda de produtividade, bem como de mortes prematuras. Só em 2015, os gastos com diabetes foram o equivalente a 190 bilhões de reais.

De acordo com Justine Davies, coautora do estudo e professora do Centro de Saúde Global do King’s College, trata-se de “um dos custos mais altos do mundo em relação ao Produto Interno Bruto (PIB). A doença tem sido vista como a próxima epidemia global, tem aumentado na maioria dos países e ninguém tem conseguido enfrentá-la”, destaca Justine.

É importante lembrar que, segundo a Organização Mundial da Saúde, diabetes é uma doença grave, que além de poder levar a óbito, pode causar cegueira, falência renal, problemas cardíacos, derrames e amputações.

Mais importante ainda é lembrar que estamos falando de uma doença evitável. Atualmente, seu aumento se dá porque a população está acima do peso devido ao estilo de vida (sedentarismo), incluindo os hábitos alimentares pouco saudáveis. “É preciso haver impostos mais severos sobre comidas não saudáveis e restrições à sua publicidade, sobretudo as que forem voltadas às crianças, que são mais suscetíveis”, defende.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *