quarta-feira, 29 maio

Imposto sobre refrigerante

Texto por: admin 2 março, 2016 Sem comentários

O cerco está se fechando para os refrigerantes. A comunidade médica e científica internacional promete abrir uma batalha com a indústria de alimentos e exportadores, a fim de que o consumo de açúcar seja reduzido. Para tanto, eles contam com o apoio da Organização Mundial da Saúde (OMS), cujas novas recomendações preveem que o açúcar não ultrapasse a marca de 10% do consumo diário, sob o risco de gerar sérios problemas de saúde.

A OMS ainda reforça o compromisso que os governos precisam ter com a saúde da população, restringindo a publicidade de refrigerantes e alimentos processados para crianças, além de elevar impostos sobre produtos com altos teores de açúcar. A entidade ainda sugere que as leis sobre a etiquetagem de produtos incluam mais detalhes sobre o volume de açúcar que eles contêm.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *