domingo, 18 abril

Os não essenciais são melhores

Texto por: Julie Grüdtner 11 fevereiro, 2021 Sem comentários

Os aminoácidos são os blocos de construção das proteínas, e os chamados aminoácidos essenciais – encontrados em alimentos como queijo e aves –, há muito tempo são considerados os mais importantes porque são necessários para o corpo sintetizar proteínas. 

Em contraste, os aminoácidos não essenciais – presentes em semente de abóbora, nozes, lentilhas e soja – são classicamente considerados de pouca importância, porque o fígado sintetiza com facilidade. No entanto, esses aminoácidos não são apenas blocos de construção para as proteínas, mas também impactam fortemente processos biológicos com potencial impacto na saúde vascular.

Um estudo realizado na França com dados de 80.000 participantes foi o primeiro a examinar os padrões gerais de ingestão de aminoácidos. Ele revelou que uma dieta rica em aminoácidos não essenciais é benéfica para a saúde do coração enquanto os encontrados em proteína animal aumentam os riscos de doenças cardiovasculares.  

De acordo com a pesquisa, pessoas com uma alta ingestão de aminoácidos indispensáveis tiveram um aumento de 60% nas doenças cardiovasculares (DCV), enquanto pessoas que consumiram grandes quantidades de variados aminoácidos não essenciais tiveram uma redução de 35% no risco de DCV.

Texto: Julie Grüdtner

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *