quarta-feira, 24 julho

Recursos naturais

Texto por: admin 26 abril, 2016 Sem comentários

Você é aquilo que come. Cresci ouvindo meus pais repetirem essa verdade. O conceito de que nosso alimento podia ser nosso remédio foi sempre muito prático lá em casa. Quando alguém ficava doente, minha mãe recorria ao livro Recursos Naturais, fazia tratamentos naturais e mudava a alimentação, tentando deixar o corpo reagir contra a enfermidade. Às vezes, minhas irmãs e eu nos sentíamos em um laboratório, sendo testadas, porque ninguém tomava remédio de farmácia a menos que muitos outros recursos fossem utilizados antes. E na maioria das vezes esses tratamentos naturais venciam. Eles funcionavam.

O livro, coitado, que era da autora Elisa Biazzi, foi tão usado que se deteriorou pouco a pouco até acabar.

Há trinta anos a saúde naturalista não era assim popular como hoje. Mas com os avanços, a disseminação e o fácil acesso à informação, temos desafios imensos. Encontramos os mais variados tipos de dieta que prometem deixar você de bem com a balança. São diversos os tipos de terapias, técnicas e práticas de saúde que oferecem propostas milagrosas para sua saúde. Como escolher? Em que ou quem confiar?

É preciso ir mais a fundo, entender a origem, buscar fontes seguras, e é preciso estar de acordo com o “manual do Fabricante”, o nosso Criador.

Quando Deus criou o ser humano e lhe deu o Éden para morar e cultivar (Gênesis 1:3-29), Ele sabia que precisaríamos desses recursos naturais para nossa manutenção. Mais tarde, Ele adicionou à nossa dieta as verduras (Gênesis 9:3), que são alimento e, ao mesmo tempo, remédios. E novamente o desafio de usar esses recursos naturais a nosso favor parece nos ameaçar.

Hoje, o ditado norte-americano que diz que uma maçã por dia nos livra do médico (one apple a day, keeps the doctor away) precisaria recomendar também que a fruta fosse orgânica.

Na imensidão de sugestões para nossa saúde é preciso manter o foco no simples. Afinal, Deus não exige de nós o impossível. Ele prometeu saúde e longevidade se atentássemos às Suas leis – morais e naturais (Êxodo 15:26).

Muitas vezes, ao escolher obedecer, você vai precisar de fé, pois o caminho poderá ser longo e áspero, e até (!) infrutífero a curto prazo. Mas não duvide: Aquele que prometeu é fiel, e vai estar com você a cada passo.

Quando experimentamos o amor e o cuidado de um Deus que Se importa a ponto de pensar em detalhes da vida que nos trariam saúde e felicidade, é impossível ignorar qualquer coisa que Ele nos recomende. Nos sentimos especiais, da mesma forma que sentíamos o carinho de nossa mãe ao ela preparar uma compressa ou um escalda-pés num dia de febre.

Teru Gouveia é apresentadora do programa Vida & Saúde

www.novotempo.com/vidaesaude

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *