quarta-feira, 29 maio

Suplementos na gravidez

Texto por: admin 14 julho, 2016 Sem comentários
Ouça o texto

Comer por duas pessoas, ingerir suplementos vitamínicos e sentir desejos estranhos. Características atribuídas a mulheres grávidas que, pouco a pouco, vêm perdendo a validade.

Estudo recente, publicado pela revista eletrônica especializada Drug and Therapeutics Bulletin, aponta evidências de que a suplementação vitamínica é muito mais uma jogada de marketing da indústria do que uma real necessidade das gestantes.

De acordo com o estudo, o que as mulheres verdadeiramente precisam no período da gravidez, é de ácido fólico e vitamina D. O primeiro, porque ajuda na boa formação cerebral e coluna vertebral; o segundo porque é importante para estruturação óssea.

A pesquisa ainda alerta sobre os riscos que a suplementação pode causar, quanto ao excesso de vitaminas. Sendo assim, basta à gestante ter uma dieta saudável e variada, incluindo frutas e legumes frescos, além do suplemento de ácido fólico. Comer por dois seria um mito; suplementar também. É preciso apenas uma quantidade balanceada de comida.

Health Food Manufacturers’ Association, órgão que representa a indústria dos suplementos alimentares no Reino Unido, contesta a pesquisa, afirmando que as mulheres não ingerem a devida proporção de vitaminas por dia, por isso a necessidade de acrescentar nutrientes por meio dos suplementos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *